Copaíba Cachoeiro de Itapemirim, Espírito Santo

Copaíba em Cachoeiro de Itapemirim. Saiba onde comprar Copaíba em Cachoeiro de Itapemirim. Encontre aqui endereços e telefones de médicos homeopatas, farmácias e drogarias que poderão te ajudar comprar plantas medicinais em Cachoeiro de Itapemirim. Aproveite e leia nossos artigos sobre Copaíba.

Sergio Luiz Constalonga Seraphin
Cachoeiro de Itapemirim, Espírito Santo
Especialidade
Homeopatia

Dados Divulgados por
Paulo Jose Moreira Machado
Av Pinheiro Junior 156 - Clinica Santa Rosa
Cachoeiro de Itapemirim, Espírito Santo
Especialidade
Homeopatia

Dados Divulgados por
Vanildo A F Conceição
(27) 3355-2750
Avenida Paulino Müller 1428 ap 101
Vitória, Espírito Santo
 
Marcos A Silva
(27) 3355-2928
Rua Regina H Vervloet 30 - 1
Vitória, Espírito Santo
 
Eder Santos
(27) 3340-4419
Rua Messias Gonçalves Correia 112
Vila Velha, Espírito Santo
 
Joao Herminio Altoe Vargas
(81) 9035-2160
Av Francisco Lacerda de Aguiar 10 - Edf Pasteurs/204
Cachoeiro de Itapemirim, Espírito Santo
Especialidade
Homeopatia

Dados Divulgados por
Cogumelo do Sol
(27) 3229-7732
Avenida Hugo Musso 549 tér lj 1
Vila Velha, Espírito Santo
 
Sempre Viva Produtos Naturais
(27) 3229-8300
Rua 15 de Novembro 247 c A
Vila Velha, Espírito Santo
 
Nutre Center Laranjeiras
(27) 3328-4901
Avenida 2ª 455
Serra, Espírito Santo
 
Magrilax
(27) 3223-2455
Avenida Jerônimo Monteiro 320
Vitória, Espírito Santo
 
Dados Divulgados por

Copaíba

ResumoCopaíba: algumas espécies podem ser chamadas de copaíba. Todas elas fornecem o óleo resina de copaíba que tem ação antitumoral, antiinflamatória, gastroprotetora, antifúngica, antibacteriana e diurética comprovada. Confira nosso acervo completo sobre essa planta.NomesNomes em português: Copaíba, pau-d`óleo, bálsamo-de-copaíba, copaíba-da-várzea, copaíba-vermelha, copaibeira-de-minas, copaúba, cupiúba, cupiúva, oleiro, óleo-de-copaíba, óleo vermelho, podoi.Nome latim: Copaifera langsdorffii Desf., Copaifera nítida Mart. Ex Hayne,Copaifera sellowii Hayne Nom inglês:jesuit’s balsam, copaibaNome francês: Copahier, CopayeNome alemão: kopaibabalsanNome italiano: coppàibaFamília Fabaceae – Caesalpiniaceae e Leguminosae - CaesalpiniaceaeConstituintesÓleo resina: sesquiterpenos (beta-cariofileno) e ácidos diterpênicos (copálico).Folhas e casca: terpenos e fenólicos.Partes utilizadas Óleo resina extraído do caule, além da casca e folhas.Efeitos da copaíbaAntiinflamatório, gastroprotetor, antifungico, expectorante, antibacteriano, antitumoral, diurético, carminativo, antiinflamatório local.Indicações da copaíbaAntes de qualquer estudo os índios já usavam a copaíba:- Problemas estomacais e pé de atleta (chá da casca - tribos da Amazônia)- Tosse e bronquite (seiva - tribos da Amazônia) - Diarréia (casca - tribos do Peru e Guianas)Uso externo Feridas, afecções cutâneas (acne, furúnculos, psoríase), doenças de pele, picadas de insetos infectados ou não. Uso internoÚlceras estomacais (óleo resina), infecções microbianas do trato urinário e da garganta, problemas respiratórios e gases estomacais intestinais. Efeitos secundáriosAltas doses podem causar náuseas, vômitos, cólicas com diarréia.Contra-indicações Deve ser evitado por gestantes e lactantes. Interações e toxicidadeNão há estudos que indiquem. Preparações à base de copaíba- Óleo resina puro- Chás- Cremes- Loções- SabonetesOnde cresce a copaíba ?As árvores de copaíba ocorrem, principalmente, no Brasil, Venezuela, Guianas, e Colômbia. No Brasil encontram-se, principalmente na Amazônia, podendo ser encontradas nos estados do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Minas Gerais, Pará, São Paulo e Paraná. O óleo, que se encontra em cavidades do tronco, só pode ser extraído uma vez ao ano.Quando colher a copaíba ?-Observações O óleo resina de copaíba é muito conhecido e fácil de encontrar em feiras livres do Brasil. Essa resina é produzida pela planta para se defender de pragas, animais, bactérias e fungos. Além de seu uso medicinal, o óleo resina de copaíba é muito utilizado na indústria como fixador de perfume e solvente de tintas e verniz, cosméticos e como combustível de lamparinas pelos nativos da Amazônia.