Erva-de-São-João Boca da Mata AL

Erva-de-São-João em Boca da Mata. Saiba onde comprar Erva-de-São-João em Boca da Mata. Encontre aqui endereços e telefones de médicos homeopatas, farmácias e drogarias que poderão te ajudar comprar plantas medicinais em Boca da Mata. Aproveite e leia nossos artigos sobre Erva-de-São-João.

Herbalife Distribuidor Independente - Fernando Azevedo
(91) 9615-4603
Tv Angustura, 2280
Belém, Pará
 
Naturalmente Prod Naturais
(31) 3892-5536
Al Barquete Jorge 22 lj A
Viçosa, Minas Gerais
 
Vivenda Naturalis
(31) 3892-4856
Tv João Carlos Belo Lisboa 20
Viçosa, Minas Gerais
 
Ponto Das Ervas Medicinais
(91) 3212-3903
Tv Oriental do Mercado 41
Belém, Pará
 
Supermercado Kibarato
(82) 3279-1012
Rua Dom Pedro II 275
Boca da Mata, Alagoas
 
Adilma & Cristina
(91) 3278-1011
Rua B 18
Belém, Pará
 
Dietetica
(31) 3891-2612
Rua Arthur Bernardes 54 lj 114
Viçosa, Minas Gerais
 
Orinetal Central
(91) 3241-0717
Tv Oriental do Mercado 55
Belém, Pará
 
Ver As Ervas
(91) 3252-3886
Praça Magalhães 201
Belém, Pará
 
S M Supermercado
(82) 3277-1137
Praça Doutor Campelo de Almeida 20
Anadia, Alagoas
 

Erva-de-São-João

ResumoErva-de-São-João: Planta Medicinal utilizada para tratar os casos de depressão leve a moderada, pode ser encontrada em forma de cápsulas, comprimidos ou infusão (chá). NomesNomes em português: Erva-de-São-João, hipéricoNome latim: Hypericum perforatumNome inglês: st John's wortNome francês: Millepertuis, Herbe de la Saint-Jean, herbe-à-mille-trous Nome alemão: JohanniskrautNome italiano: iperico, erba di San GiovanniFamíliaHyperaceaeConstituintesHipericina, hiperforina, flavonóides.Partes utilizadasSumidades floridas (Flores de erva-de-São-João), óleo de erva-de-São-João.Efeitos da erva-de-São-João Em uso interno (comprimidos, cápsulas, infusões)Antidepressivo (para o estágio leve a moderado da depressão), ansiolítico.Em uso externo (pomadas, óleo) Desinfetante, agente antiviral, antibacteriano e cicatrizante.Indicações da erva-de-São-JoãoEm uso interno (comprimido, cápsula) Em caso de depressão leve a moderada.Observação: Em geral, a duração do tratamento é de 4 a 6 semanas, no mínimo. O efeito ocorre na maioria das vezes somente após 10 dias da primeira tomada do medicamento.Atenção! Risco de interações com esta planta. Em uso externo Em caso de feridas, pequenas queimaduras.Efeitos secundáriosLeia a bula da embalagem.Contra-indicaçõesLeia a bula da embalagem.Interações (em uso interno)A erva-de-São-João (um indutor enzimático) pode interagir com determinados medicamentos e pode minimizar a eficácia destes, mais precisamente a concentração do medicamento no sangue, os medicamentos que podem ter interações são geralmente : os anticoagulantes orais, os contraceptivos orais (pílulas), a teofilina, ciclosporina, os imunosupressores, os antivirais como o indinavir e outros medicamentos contra o vírus HIV.Converse com o seu farmacêutico ou médico para maiores informações sobre essas interações: Queria sempre ler a bula da embalagem na compra de um medicamento à base de erva-de-São-João. Preparações à base de erva-de-São-JoãoEm uso interno- Comprimidos, cápsulas à base de erva-de-São-João- Infusão de erva-de-São-João [efeito menos importante do que o dos comprimidos]- Tintura de erva-de-São-João (infusão de erva-de-São-João)Em uso externo- Creme de erva-de-São-João- Óleo essencial de erva-de-São-João Onde cresce a erva-de-São-João?A erva-de-São-João cresce em inúmeras regiões onde o clima não é muito rude, como a França e a Suíça, por exemplo. Ele cresce nos campos, e nas montanhas, determinadas fotos da planta que estão neste site foram tiradas nos Alpes suíços (Valais).Quando colher a erva-de-São-João? As flores de erva-de-São-João são colhidas durante o verão. ObservaçõesDizem que a erva-de-São-João pode causar problemas após a exposição solar, porém em dose terapêutica isso não procede (segundo nossas pesquisas). Isso pode ocorrer muito excepcionalmente em peles muito claras. É somente em forte dose que as alergias ao sol podem aparecer, portanto tome sol sem essa preocupação, somente tome cuidado com outras conseqüências (ensolação, câncer de pele,...!).Na sua indicação para tratar a depressão leve a moderada, este medicamento pode ser tão eficaz quanto outros químicos ou de síntese (comprovado por inúmeros estudos clínicos). Apesar do risco de interações com outros medicamentos, a erva-de-São-João causa menos efeitos secundários (se comparada aos antidepressivos químicos) e por isso ela é bastante recomendada para tratar as tristezas mais leves. No entanto, trate sempre a causa da depressão (por exemplo, com uma psicoterapia, e converse com um especialista (médico, psiquiatra), pois esta é uma doença que necessita do auxílio de um profissional.